domingo, 2 de abril de 2017

Intolerância a diferença!


Oi meninas tudo bem? 
Pra quem acompanha o blog, sabe que todo domingo (ou quase) eu posto textos que escrevo, pensamentos e coisas que vi e que me chamaram a atenção. Gosto de compartilhar com vocês porque aqui é um pedaço de mim, e uma chance de nós conversarmos sobre diferentes assuntos. 

Então, hoje resolvi trazer um tema que muito tem me incomodado ultimamente, e mostrar um vídeo que me fez refletir bastante. 

Será que nós estamos nos tornando cada vez mais intolerante ao que é diferente de nós? Claro, é normal que a gente procure se socializar com pessoas que têm algo em comum com a gente. Mesmo gosto musical, mesmo gosto de comida ou opções de lazer.  Mas será que nós dispensamos quem pensa diferente de nós simplesmente porque são diferente de nós? Parece confuso, mas não é! 

Esses dias eu estava dando aquela olhadinha no facebook até ver uma certa menina que postou a seguinte frase: "Curte Bolsonaro? Limpezinhaa hehe" E daí pensei, "e se sim, qual o problema? Sou uma pessoa pior por isso ou temos apenas convicções políticas diferentes?"
E essa frase é mais comum do que pensei! Quantas vezes mais li limpezinha no face nos últimos meses? Eu não tenho ideia. Seja uma feminista. um esquerdista, uma pessoa de direita, uma que apoia o aborto, outra que não. É difícil conviver com as diferenças, mais fácil descartá-la. 

Excluímos pessoas de nossas vidas como se fossem meros objetos, ao invés de procurar entender seu modo de pensar, e acima de tudo RESPEITAR! 

Tá aí a palavra que resume tudo. RESPEITO! Gritamos por querermos nossos direitos sendo cumpridos, mas não nos colocamos no lugar do outro. Falta compaixão, falta amor! 
Imagine quantas coisas poderíamos aprender com alguém que pensa diferente de nós, se não fosse nosso método de viver o mais fácil. É aquele famoso pensamento que diz que o ser humano prefere relacionamentos rasos ao invés de se jogar no outro. 

Jesus há 2 mil anos atrás já nos ensinava "Vocês ouviram o que foi dito: 'Ame o seu próximo e odeie o seu inimigo'. Mas eu digo: Amem os seus inimigos e orem por aqueles que os perseguem, 
Mateus 5:43-44

Vocês já pensaram sobre isso? Me contem a opinião de vocês!

Antes de sair, confira o vídeo que muito me fez pensar. A Fabi Bertotti me ensina muito em seus vídeos. Mais do que vida cristã, ela me ensina a ser uma pessoa melhor! 

Bjos!




10 comentários:

  1. Oie!
    Adorei seu texto! Acho que cada vez mais as pessoas estão privadas de ter uma opinião, porque sempre tem alguem que pensa o contrário e acaba te "oprimindo". Mas o mundo é justamente feito de opiniões diferentes, e por isso vai pra frente, né? Acho que a gente tem que aprender mais a ouvir, mesmo que isso seja bem difícil x)

    Beijos
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. falou tudo Raquel, todo mundo quer falar, mas ninguém quer ouvir ninguém! Bjos!

      Excluir
  2. gostei muito do seu texto! e ainda bem que temos opinião diferentes, só assim é possível evoluir! o problema são as pessoas entenderem e principalmente aceitarem isso!

    www.blogamorarosa.com

    ResponderExcluir
  3. Já vi muita coisa do tipo e infelizmente é triste. Ninguém é obrigado a gostar das mesmas coisas que você, cabe apenas respeitar :/ beijos
    www.blogbelezamake.com

    ResponderExcluir
  4. Nossa Thay, muito real essa reflexão. A intolerância está dominando e tenho impressão que as redes sociais e tudo mais pioram isso (talvez pq nelas as pessoas tenham coragem de falar mais coisas, sei lá).

    Beijos
    Mari Dahrug
    https://www.rabiskos.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ser Mari, é fácil se esconder nas redes sociais! Bjos!

      Excluir